O 17º dia apesar de ser muito similar aos outros veio pra mim com um insight. 

Hoje me dei conta de que não sinto mais que estou "em uma missão", ou que estou "em busca de um objetivo", eu simplesmente me tornei essa pessoa: a pessoa que come moderadamente e que não consegue mais imaginar passar um dia inteiro sem se exercitar.

Na atividade física eu encontrei o preenchimento pra um vazio que eu tinha e que não sabia como lidar e graças a isso eu tenho sido muito feliz na RA, a sensação de satisfação depois de caminhada/corrida me preenche por todo o dia a ponto de eu não sentir mais a necessidade dos doces, os quais sempre foram meu calcanhar de Aquiles.

Graças a essa descoberta, consegui em 17 dias ser mais feliz do que eu fui nos últimos 3 anos inteiros e me tornar mais segura e mais satisfeita comigo do que eu tenho sido em toda a minha vida. Confesso que eu sonhei tanto, tanto com essa mudança interior, passei anos a fio sonhando com o momento em que o torvelinho dentro da minha cabeça iria se dissipar e eu iria me descobrir, mas que nunca imaginei que ela fosse se dar nesse momento e muito menos dessa maneira.

Então aqui fica a minha dica pra você que como eu tem problemas com compulsão: arrume uma atividade que seja a sua grande paixão, algo que seja avassalador, algo que faça com que você se sinta completa, que se torne o seu novo abrigo emocional e depois disso, a RA se torna um mero detalhe no dia-a-dia, algo tão natural e corriqueiro que você vai se tornar parte de quem você é.

Lembre-se: a RA só é um problema e só se torna motivo de muita reflexão quando a comida se torna o ponto central da sua vida.


11 Comentários

Cíntia disse...

Eu também já encontrei o meu refúgio: nadar!

Como eu amo nadar!

Juntei o útil ao agradável e estou igualzinha à você: feliz ao extremo com todas as mudanças que estão acontecendo!

=)

Beijos!

Mariângela disse...

Ana,
Que bom! Eu estou buscando o meu, mas acho que estou chegando perto. Muito legal ler seu post!

bjs

ANA CHRISTIANE disse...

MINHA ANINHA...SEMPRE TÃO MEIGA E CARINHOSA COMIGO...OBRIGADA PELO APOIO QUE TENHO RECEBIDO POR VC MINHA PEQUENA, COMO GOSTO DE VC , ÉS UMA JOVEM MUITO SÁBIA E MADURA PARA A SUA IDADE!!!SOU MUITO FELIZ POR TÊ-LA CONHECIDO!!ADMIRO SUA MANEIRA DE CONDIZIR A VIDA E DE ELUCIDAR QUE A RA NÃO PRECISA SER FONTE DE TORTURA OU MOTIVO DE MUITA REFLEXÃO, MAS QUE PODE FAZER PARTE DE NOSSA VIDA E QUE ESSA SEJA TÃO NATURAL COMO DEVE SER) E UMA ATIVIDADE CORRIQUEIRA E SIMPLES!!!A AF TBÉM TEM SE SER FONTE DE PRAZER E NÃO DE SACRIFÍCIOS!! COMO É BOM ESTAR COMO ESSA VISÃO DESSE PROCESSO, É A FORMA MAIS EQUILIBRADA DE SE ALCANÇAR O ÊXITO E TE VEREI TRIUNFAR MINHA PEQUENA!!PERDOA SUA AMIGA AQUI TÃO VACILONA, SEI QUE APENAS EU SOFRO COM AS ESCOLHAS QUE FAÇO, MAS NADA COMO UM NOVO DIA, UMA NOVA CHANCE!!TENHA UM BOM SÁBADO MINHA LINDA E FIRMEZA SEMPRE!!!

Débora Braz disse...

Oi Aninha, bom demais ler seu poste, foto linda também..
Adoro a hidroginástica, pena que ainda não estou liberada, mas pra semana vou tentar fazer uma caminhada leve de poucos minutos...
Lindo fim de semana!!
Bjo

Juliana Carvalho disse...

Aaaaaaaaana, sua linda! Como sempre arrasando no texto hein?! Muito massa o jeito que vc escreve!
Bom, quanto ao que você escreveu... Onde eu assino?
Concordo totalmente!
No meu caso, por exemplo, é a corrida ao ar livre.
A obesidade é mesmo o resultado de uma fuga... Mas, quando achamos outros caminhos para fugir, a comeda deixa de ser uma necessidade emocional. Foi assim comigo! Você está indo muito bem!
Beijao!

Emagreci, e agora? disse...

eu descobrir minha forma de fugir da compulsão: ler!
me faz esquecer completamente a "fome psicologica' e sair atacando tudo. bjs linda!

Denni disse...

RA é estilo de vida..e PRA SEMPRE..temos que achar alegria nesse novo estilo..estou contente que vc encontrou
ótimo final de semana
http://meuemagrecimentoreal.blogspot.com.br
@Denniblog

New Girl disse...

Fico muito feliz por você, por ter se descoberto, por perceber que não precisa dos doces e por sentir falta da atividade física. Isso é uma notícia maravilhosa e uma inspiração para quem está começando (nisso eu me incluo), saber que um dia o sofrimento acaba e a RA e atividade física se tornam uma rotina agradável.
Quanto à atividade física preferida, acho que gosto de dança. Acho, não tenho certeza, vou ter quando tentar de verdade. =)
Beijos e bom fim de semana.

Vania Haziel disse...

Eu ainda não encontrei algo que eu goste e que o meu horario permita...
Mas chego lá

Xero, estou te seguindo

http://gorduxanuncamais.blogspot.com.br/

Kel disse...

Conselho anotado, rs. Acho que aí que está o segredo. Ter uma atividade que nos dê prazer. Vou em busca da minha.
Beijão

novafasecampbell disse...

Hello linda! Com certeza a AF é uma maravilha! Eu me apaixonei pela musculação, é o momento que eu cuido de mim e me sinto bem! Obrigada pela força, vc é demais! Cada dia estou vendo a guerreira que vc é, parabéns novamente.